Por que lavar pratos ou tomar banho durante uma tempestada pode ser perigoso

Sua avó dizia que era para ficar longe da pia ou da banheira durante uma tempestade?

Pois é melhor obedecer a esse conselho.
 
É que tubos metálicos, banheiras, pias de cozinha, torneiras e água são condutores de eletricidade.

De acordo com John Jensenius, especialista em segurança contra raios do Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos, é melhor adiar a limpeza de louça, chuveiros e qualquer outra atividade que possa aproximá-lo de canos, água ou fios durante uma tempestade.

Tubos de plástico não são muito diferentes disso não.

Na verdade, eles oferecem uma pequena medida de proteção, mas a água ainda está passando por eles.

“A água também pode conduzir eletricidade”, disse John Jensenius.

Podemos observar que onde relâmpagos atingem alguma coisa, se há poças ao redor do local, o raio pode facilmente eletrocutar alguém”.

Por isso, estar próximo de superfícies metálicas e água corrente, seja ao ar livre ou dentro de casa, é um grande risco.

E preste atenção: a condutividade elétrica é aumentada quando as impurezas estão presentes na água.

A água da torneira ou chuveiro contém naturalmente vários íons, incluindo sódio, cloreto, cálcio, magnésio, ferro e potássio.

Íons na água fazem com que ela seja mais propícia à eletricidade.

Como quase todo mundo usa água do chuveiro para banho, é recomendável evitar o banho durante uma tempestade.

Um raio pode atingir temperaturas de quase 30.000 graus Celsius, que é cinco vezes mais quente que a superfície do sol.

Ser atingido por um raio, embora raro, é quase sempre fatal.
 
Aqueles que sobrevivem a um raio podem enfrentar várias complicações médicas, incluindo:

– Parada cardíaca (devido a interrupção no ritmo elétrico do coração)

– Dano cerebral grave

– Coma

– Paralisia temporária ou permanente

– AVC

– Espasmos musculares

– Perda de memória

Quando uma pessoa é atingida por um raio, todo segundo conta.

  • Fique em um local seguro e imediatamente ligue para os bombeiros ou Samu.
  • Ouça as instruções do operador e forneça o máximo de informações possível.
  • O corpo humano não reterá cargas elétricas, então não tenha medo de tocar a vítima.
  • Se parecer que ela não está respirando, ou está tendo dificuldade para respirar, ou está inconsciente, use um DEA – (desfibrilador externo automático), se disponível, ou inicie a reanimação cardiorrespiratória, enquanto aguarda os paramédicos.
  • Tome cuidado extra com crianças pequenas ao realizar a reanimação cardiorrespiratória.
  • Se necessário, tire a roupa da vítima.
  • Se ela estiver em estado de choque, deite-a com a cabeça levemente mais baixa que o tronco e as pernas.
  • Se ela estiver consciente, acalme-a e fale com ela até os paramédicos chegarem.

É importante criar conscientização para todos na casa do perigo de queda de raios.

Ensine seus filhos a ficar longe de torneiras e água corrente durante as tempestades.

Embora ser atingido direta ou indiretamente por raios seja raro, é sempre melhor ter consciência do risco e evitá-lo.

Este blog de notícias sobre tratamentos naturais não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

[in:curapelanatureza.com]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *